O Mysterio Da Estrada de Cintra Cartas Ao Diario de Noticias

O Mysterio Da Estrada de Cintra Cartas Ao Diario de Noticias

List price: US$22.40

Currently unavailable

Add to wishlist

AbeBooks may have this title (opens in new window).

Try AbeBooks

Description

Excerto: ... Rytmel e a condessa subiam. -Onde esta Gozzo? perguntei eu a Rytmel. -Ha talvez uma bruma, respondeu elle vagamente e voltando o rosto. O horisonte porem estava limpo, puro, sem mysterio, a perder de vista. Ao longe via-se uma sombra indefinida que denunciava a terra: e nos affastavamo-nos d'ella! Corri a bussola. Navegavamos para Oeste. -Navegamos para Oeste, Captain Rytmel! affastamo-nos de Malta! Que e isto? Para onde vamos? Rytmel olhou longamente a condessa, depois a mim e disse: -Vamos para Alexandria. Num relance comprehendi tudo. Rytmel fugia com a Condessa!... Eu fitei Rytmel, e disse-lhe tremendo todo: -Isso e uma infamia! Elle empallideceu terrivelmente; mas a condessa, interpondo-se, com uma voz vibrante: -Nao! sou eu! Sou eu que vou para Alexandria. -N'esse caso sou eu o infame, prima. Houve um silencio. Os olhos da condessa estavam humidos. Correu para mim, tomou-me uma das maos, murmurou entre solucos: -Que quer? Ninguem tem culpa. Amo este homem, fujo com elle. Rytmel tomara-me a outra mao. -Agora, dizia, e impossivel voltar. E um passo dado, irreparavel... Eu estava succumbido: aquella situacao imprevista, deixava-me sem raciocinio, sem voz, sem vontade. Eu, amigo do conde!... Eu, cumplice d'aquella fuga! Alem d'isso, alli, no meio d'aquelles dois amantes encantadores, que me supplicavam apertando-me as maos, eu sentia-me ridiculo-e isto augmentava o meu desespero. A condessa, no entanto, continuava: -Primo, disse ella, que importa? Estou deshonrada, bem sei. Mas que queria? que eu ficasse ao lado de meu marido, amando este, n'uma mentira perpetua, vivendo alegremente instalada na infamia? Essa situacao nunca! E suja! Ao menos isto e franco. Rompo com o mundo, sou uma aventureira, fico sendo uma mulher perdida, mas conservo-me para um so e sendo pura para elle. -Captain Rytmel, disse eu, entao mande deitar uma lancha ao mar. -Que quer fazer? gritou a condessa. -Eu? ganhar a terra....show more

Product details

  • Paperback | 72 pages
  • 189 x 246 x 4mm | 145g
  • Rarebooksclub.com
  • United States
  • English, Portuguese
  • black & white illustrations
  • 1236705009
  • 9781236705006